Menu Vintage | A história do Champagne | Cardápio Épico

Menu Vintage | A história do Champagne
19 de Dezembro, sábado, 20h30
Hotel Casacurta, Garibaldi/RS



Um jantar para contar histórias através de pratos e borbulhas.
Celebrando o centenário do espumante no Brasil, a enóloga Maria Amélia Duarte Flores, traz a Garibaldi, o renomado Chef Jorge Nascimento para um jantar único e inesquecível.

Um passeio por épocas, cenários, brilho: cada prato celebra detalhes dos áureos tempos de grandes banquetes, refletidas na recentemente lançada linha "Peterlongo Vintage".

Os pratos são criados pelo Chef e as histórias serão contadas pela enóloga Maria Amélia, que é da Vinícola Peterlongo, uma das responsáveis pela pesquisa e lançamento desta coleção.

Música, charme, decoração, surpresas. Venha voltar no tempo nesta noite cheia de belas recordações.

Menu Vintage . Jantar 19 de Dezembro

Boas vindas:
Amouse Bouche - 1960/1970
*Serviço de caviar clássico:
- Caviar, toast de centeio, ovos picado, cebolinhas, cornichons , limao e molho mayonese
*Canapés de foie com passas ao run
*Pão de trigo integral com kümmel
*Manteiga marchand du vins
*Voil au vent de salmão
Harmonização:
Peterlongo Elegance Brut, 2015
Peterlongo Fino Champagne Demi Sec, releitura 1970

Entrada
• Coquetel de camarão com sauce golf
A entrada cheia de charme e delicadeza, clássica e presente nas mesas mais sofisticadas dos anos 70 e 80.
Harmonização:
Peterlongo Fino Champagne Extra Brut, releitura 1970

Prato Principal
• Filet a Duque de Wellington
Filet mignon encasacado em massa folhada servido com molho glace de viande e guarnecido por gratin dauphinois
(De origem francesa, essa receita foi criada em homenagem ao comandante britânico que junto com o general prussiano Gebhard von Blucher, derrotou Napoleão Bonaparte na Batalha de Waterloo, em 1815. Ele se chamava Arthur Wellesley, nasceu na Irlanda e morreu na Inglaterra, e recebeu o título de primeiro duque de Wellington. Mas ninguem fala, em registros históricos, do nome do chef que criou o prato, servido numa recepção cívica na cidade de Wellington, capital da Nova Zelândia. Era amplamente servido nos banquetes de 1920/1940)
Gran Espumante Armando Peterlongo, releitura 1930
(haverá também vinho tinto, Côtes-du-Rhône AOC Masson Dubois, França)

Brinde com Gran Espumante Armando Peterlongo Brut Magnum, releitura 1925

Sobremesa
• Crépe Suzette
Crepe flambado em grand marnier servido com sorvete de baunilha
Gran Espumante Armando Peterlongo Moscatel, releitura 1940

Valor individual: R$ 250,00

Reservas e informações:
51 9331 6098
51 3072 1777
vinhoearte@gmail.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Achaval Ferrer - Uma jóia do vinho argentino

Thai&Wine - Koh Pee Pee e Guatambu

Como Harmonizar Gastronomia Tailandesa