Aldeias do Mediterrâneo

Almoço Especial | Aldeias do Mediterrâneo

O Velho Mundo é berço de cultura, história, gastronomia e, claro, vinhos. São necessárias muitas vidas para provar ou conhecer a fundo o que cada país oferece: podemos mergulhar nas regiões clássicas, nas cidades grandes, nas mesas mais famosas e nos deslumbrar, assim como aventurar-se por vilarejos remotos, pequenas cidades, cheias de tesouros escondidos.

Paris, Madrid, Roma, Lisboa, são cidades imperdíveis e obrigatórias no roteiro de todo o viajante. Já, em segundo momento, perder-se por uma aldeia no Alentejo, provar um vinho mais maduro de um vinhedo antigo de Syrah da costa mediterrânea francesa, desvendar um vinho antigo que nasce na "Magna Grécia", Sicília, na Itália. Assim é a Vinho e Arte: é descoberta, é sabor, é cultura.

Nosso convite para o almoço deste sábado tem este estilo, este tom: conversar sobre sabores e gastronomia de descobertas de nossas viagens pela Europa. O Chef Jorge Nascimento preparou um cardápio muito especial e eu, Maria Amélia Duarte Flores, uma seleção de vinhos que contam muitas destas histórias. Participe!

Ah, caso não possas participar, saiba que todos estes vinhos estão a venda em nossa loja! Basta encomendar!

Sábado, 21 de maio, 12h30
Vinho e Arte . Rua Múcio Teixeira, 107
Menino Deus . Porto Alegre

Menu
Amuse Bouche
* Pães do chefnascimento®
* Patê de foie
* Rilletes de canard a moda do chef
* Manteiga marchand du vin
Ilha de Espumantes Brasileiros

Entrada
* Sopa-creme de aipim com linguiça artesanal ao perfume de bergamotas
Vinho: Terrenus Rui Reguinga Alentejo, Branco, safra 2010, Portugal
Elaborado com uvas de cultivo a moda antiga, reúne seis variedades. Limitado a 5000 garrafas, é uma jóia, descoberta, de vinhedos de altitude no Alentejo. Surpreenda-se!

Prato Principal
* Bracciola de rês recheada com provolone a salsinha ao molho ferrugem guarnecida por risoto de espinafres e queijo parmesão
Vinhos: Liderato Rioja DO Tinto, Espanha
Clássico da uva Tempranillo, é leve, apesar de ter corpo agradável e bom teor alcoólico. A região é parte do Caminho de Santiago de Compostella, com paisagens incríveis, pequenos vilarejos e vasta gastronomia.

Degustação Especial
La Croix de St Jean AOC Minervois Lo Paire Safra 2006, Languedoc Roussillon, França
Uma criação de um grande enólogo, Michel Fabre, em um pequeno vinhedo, cuja base é a uva Syrah. Já com dez anos, sua intensidade permitiu uma evolução perfeita, sendo um vinho bastante profundo, perfumado, macio. A região é localizada numa das mais belas partes da costa mediterrânea francesa, onde as formas de elaboração mesclam técnicas modernas e tradicionais. Uma autêntica descoberta.

Sobremesa
* Wafle de limão servido com sorvete de vanilla e calda de chocolate
Vinho: Marsala Lombardo, Sicilia, Itália
Surge das uvas Inzolia, Catarrato e Grillo, autóctones da Sicília. Seu processo de elaboração é totalmente tradicional, pois eram vinhos que deveriam resistir a longos períodos de viagem em embarcações (Marsala é um porto e por ali aconteciam muitos negócios desde a antiguidade). Hoje, este tipo de vinho vive uma reestruturação, não apenas pela mudança de paladar do consumidor, mas por perda de muitas tradições nas regiões mais antigas, Vale ser prestigiado, um bom Marsala vai além da cozinha, deve ir a mesa.

Valor individual: R$ 175,00

Reservas e informações:
51 3023 3345
51 9331 6098
vinhoearte@gmail.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Achaval Ferrer - Uma jóia do vinho argentino

Thai&Wine - Koh Pee Pee e Guatambu

Como Harmonizar Gastronomia Tailandesa